DOM ITAMAR E A VITALIDADE INVEJÁVEL DE QUEM CHEGA AOS 77 ANOS CULTIVANDO HORTA E CONSUMINDO ALIMENTOS SEM AGROTÓXICOS

Por Agnaldo Rios 11/01/2018 - 21:19 hs
Foto: arquivo perssoal

Referência cristã em Feira de Santana, o arcebispo emérito Dom Itamar Vian também pode ser considerado uma referência em saúde. Aos 77 anos, ele desfruta de uma vitalidade invejável e isso não é à toa.

Desde que chegou em Feira de Santana, há 22 anos, Dom Itamar cultiva uma pequena horta no quintal da casa onde vive. Cenoura, beterraba, alface, tomate, rúcula, chicória, pimentão, agrião e pés de feijão que despontam para o céu estão entre as verduras, legumes hortaliças e leguminosas que ele planta. “Tudo para o consumo na residência e para o Centro Social Monsenhor Jesse”, afirmou ao Acorda Cidade.

O arcebispo emérito revela que entre as motivações para cultivo desses alimentos: “Manter as tradições familiares, fazer exercícios físicos, como uma forma de descanso mental e a grande vantagem de ter diariamente verduras variadas na mesa e sem agrotóxicos”.

Com esse comportamento, Dom Itamar integra uma ala social crescente no país, que valoriza a saúde e tentar poupá-la de alimentos cada vez mais encharcados de produtos químicos. A preocupação com o uso de agrotóxicos é tão séria, que embora não muito divulgado, o 11 de janeiro marca o Dia do Controle da Poluição por Agrotóxicos em todo o Brasil. A data foi instituída para conscientizar a população quanto aos riscos e problemas causados pelo uso indiscriminadode agrotóxicos meio ambiente e à saúde humana.

Além da alimentação saudável, Dom Itamar mantém outros hábitos que, sem dúvida, preservam não só a vitalidade física como a espiritual: ler e observar a natureza.